Buscar
  • silviarpsicologa

O medo



Acabo sempre por abordar emoções, até porque estas estão na base de muito o que fazemos. Existe mesmo um autor que refere que utilizamos as emoções para tomarmos muitas das nossas decisões e o racional para justificá-las.

Se pensarmos bem, quantas coisas deixamos de fazer por medo? Quantas oportunidades perdidas por medo que as coisas não dessem certas?

Quantas vezes não fizemos ou dissemos o que queríamos ou mesmo o que devíamos por medo de sermos julgados?

Pois o medo, aquela emoção que nos bloqueia e que nos impede de agir, por vezes... Mas a verdade, é que o medo também é nosso amigo, é aquele friozinho no estômago, aquele suor frio, aquele estado de alerta que nos informa quando estamos em perigo. Que nos deixa atentos a cada som e a cada movimento quando estamos num ambiente hostil, que nos avisa que algo é um risco para nós, que nos faz dar um salto imediatamente para trás e num instante, empurrar a pessoa que nos assusta. Sabem o que o medo está a fazer nessas alturas? Está a proteger-nos, a ajudar a nossa sobrevivência.

E então, como vai usar o seu medo?

0 visualização

Psicóloga Sílvia Rodrigues

  • Facebook

960055942

Rua das Mercês 41, Funchal, Portugal